Vale a pena ser Autêntico? Caso do BBB21


Desculpa, mil desculpas, mas eu preciso falar de Big Brother!

Ok ok, isso é bem estranho! Afinal nem mesmo ano passado com meu amigo na casa eu não escrevi nada sobre o programa.


É porque não é sobre o BBB na verdade. É sobre negócios, posicionamento, autenticidade e o alto custo de fingir ser quem não é.


Não, eu nunca havia ouvido falar nessa tal Karol Conka e nem esse menino Lucas Penteado! Não sabia nem quem eram até ontem. Da mesma que forma que assim como você eu não assisto esse programa de TV. MAAAAAS... Vamos ao aprendizado!!


Essa moça está mostrando, indiretamente, para os empresários o alto custo de fingir ser quem não é, e de não respeitar a própria identidade. Como assim Daiane? Em suas músicas ela tem um discurso e e adotou uma postura "X" para ganhar holofotes e destaque. Desenhou e possivelmente planejou cada passo de sua carreira baseado em um "personagem" que venderia mais, de acordo com seu biotipo.


Qual é o problema disso tudo? Ela decidiu dar um passo maior e ir para o BBB (pelo visto sem preparo emocional algum!), onde está sendo "vigiada" 24h por dia, e então por mais que tente não consegue manter o personagem criado. E este não condiz com sua verdade. Gerando assim uma imensa exposição e uma enxurrada de críticas.


Mas e daí? E daí que os seus clientes não estavam comprando um produto autêntico e agora isso ficou claro. E com isso ela já está perdendo contratos e milhares de seguidores. Os prejuízos divulgados até o momento em que escrevo esse artigo, giram em torno de 5 milhões de reais!


Isso mesmo! 5 MILHÕES! Ela foi buscar 1,5 milhões e já perdeu 5milhões. Ou seja além de não ganhar o que procura ainda vai acumular um prejuízo imenso.


Vai custar muito muito caro o vivenciar de uma imagem irreal.

E este, infelizmente, é um erro muito recorrente em todos os tipos de negócios.


Ser autêntico e respeitar a própria identidade e personalidade é o óbvio que precisa ser dito e reforçado constantemente. Sei disso porque preciso repetir todos os dias isso para meus clientes.


Ei!! Pare de arriscar pagar um preço alto demais por não ser você mesmo!!

É aí que o mesmo programa nos mostra o inverso, com esse menino chamado Lucas Penteado.


Ele fez justamente o oposto da moça. Ele foi inclusive a primeira vítima da agressividade de Conka. Chegou a ser expulso da mesa em uma refeição, foi agredido, desmerecido, humilhado e achincalhado de inúmeras formas, e por que? Por ser igual mas diferente!!


Não acompanhei absolutamente todo o enredo, mas fui buscar entender a desistência e saída do rapaz da casa. E de fato um dos estopins para sua saída foi a intensidade de suas emoções e a revelação de sua sexualidade (o que foi cruelmente questionado por muitos lá dentro). E

algo que me chamou muito atenção foi essa frase, que ele falou aos prantos antes de sair do confinamento: “Eu não vou ser aceito aqui, eu não vou ser aceito quando eu chegar lá na minha comunidade, eu não vou ser aceito pelos meus amigos, eu não vou ser aceito pela minha família“.


O medo de não ser aceito assusta e paralisa inúmeras pessoas, e faz parte do mundo dos negócios. Esse medo por vezes se refere a questões muito menores que a sexualidade, o que não invalida a dificuldade em lidar com.


Mas vamos ao resultado de tudo isso. O menino não aguentou a pressão psicológica de não poder ser quem é, e desistiu do programa de TV para viver sua verdade. E qual foi a surpresa? Em poucas horas dele ganhou milhões de seguidores, foram criadas vakinhas virtuais para arrecadar o dinheiro para a compra da casa de sua mãe e o Neymar prometeu o valor do prêmio. Ainda tiveram várias manifestações de artistas e famosos em seu apoio e abrindo portas profissionais.


Ele abriu mão de 1,5 milhões e irá faturar muito mais de 5 milhões pelo jeito! Por quê?? Porque mesmo diante de erros (seus e de outros), de agressões e apelo financeiro, ele se manteve fiel a sua essência!


A vida dele não será um mar de rosas, ele vai precisar de apoio e tratamento psicológico, sem dúvidas! Mas saiu com mais possibilidades de um futuro bom, e provavelmente muito maiores que os demais que lá permaneceram.


Se você assim como eu não assiste BBB, fica apenas com essa lição, e dá uma pesquisada rápida no nome da moça para ter ideia do seu prejuízo, e o nome do rapaz para ver a dimensão tomada. Afinal, de tudo podemos tirar algum proveito.


Desculpe mais uma vez, mas eu precisava falar de #BBB.


Seja você e envia pra um amigo que queira bem e merece esse lembrete.

Posts recentes

Ver tudo

Siga-nos nas redes sociais!

  • Cinza ícone do YouTube
  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Facebook Ícone

Daiane Santos Mentoring CNPJ: 30.294.285/0001-81| © Copyright 2020 - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por MMD

Políticas e Termos